Acusado de matar universitária é julgado nesta quinta

Jeferson Diego Gonçalves

Está sendo julgado esta tarde em Foz do Iguaçu, Jeferson Diego Gonçalves (33), ele confessou ter assassinado de Martina Piazza Conde (27). O crime aconteceu em um prédio no centro de Foz do Iguaçu, em março de 2014. O juri está acontecendo no auditório da Polícia Civil, já que o Fórum de Justiça está em reforma.

A estudante da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA), era natural do Uruguai e vivia em Foz para estudar. Ela era muito conhecida por participar de projetos culturais e de gênero. Martina também era ativista dos direitos humanos e da mulher.

Segundo a Polícia ela foi morta por asfixia mecânica. Além disso, Jeferson teria usado um fio de energia para enforcar a estudante.

O acusado foi preso dias depois, caminhando na BR-277 em Nova Laranjeiras. Ele confessou o crime e alegou que recebeu uma orientação espiritual e que Martina seria entregue aos deuses como oferenda. No entanto, o delegado responsável pela Delegacia de Homicídios na época, Marcos Araguari de Abreu, disse que o acusado estava inventando esta situação.

Jeferson vai ser julgado por homicídio qualificado e a pena pode ser de até 30 anos. O resultado do julgamento deve sair na noite desta quinta-feira (30).

 

 

 

Liliane Dias

O post Acusado de matar universitária é julgado nesta quinta apareceu primeiro em TV Tarobá Cascavel – Saiba tudo que acontece em nossa cidade.

Ver Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *